Romeu Zema lança programa “Diálogos com o Produtor Rural”, em Araguari

O governador Romeu Zema lançou, quarta-feira (25), em Araguari, o programa “Diálogos com o Produtor Rural”. O projeto tem como objetivo apoiar o agronegócio a fim de desenvolver e diversificar a economia do Estado, a partir da aproximação do governo com os produtores para o esclarecimento de dúvidas referentes aos serviços ambientais e orientações sobre o meio ambiente e agropecuária, além de integrar entidades estaduais relacionadas aos setores em Minas.

“Esse projeto visa tornar o governo mais próximo do setor agropecuário, que é um setor que, nos últimos anos, foi muito penalizado com a rigidez da regulamentação do Estado de Minas, com a demora nas licenças ambientais e outorgas de água. É um setor que gera empregos, riquezas e que precisa ser valorizado”, afirmou o governador, ressaltando, ainda, a necessidade de garantir a preservação e o equilíbrio do meio ambiente.

Romeu Zema apresentou o programa para diversos produtores e representantes de sindicatos rurais, onde se reuniram para ouvir as demandas e falar sobre suas propostas. O governador disse que é missão de sua gestão apoiar a produção rural e o empreendedorismo.

“Nós estamos querendo descriminalizar a atividade produtiva, que, nos últimos anos, infelizmente, não só em Minas, como no Brasil, acabou sendo criminalizada. E nada ajuda mais a gerar empregos do que você não atrapalhar a vida de quem produz. Então, eu estou aqui deixando claro para o produtor rural e para as entidades de classe que os representam que o Estado estará ao lado deles. Nós já fizemos mudanças e vamos continuar fazendo outras para que o Estado não seja um obstáculo para quem deseja produzir, a quem quer investir, a quem quer gerar empregos”, pontuou o governador.

O programa foi desenvolvido pelo Sistema Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema), em articulação com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), e pretende aproximar o homem do campo das orientações e ações do governo. Segundo o diretor-geral do Instituto Estadual de Florestas (IEF), Antônio Malard, que representou a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), as equipes técnicas estarão disponíveis para conhecer os problemas e buscar soluções para os produtores.

“Esse evento é um marco. Estamos aqui para tirar todas as dúvidas de vocês e para que também nos apresentem soluções. Precisamos trabalhar juntos para alcançarmos os melhores resultados. Estamos trabalhando na desburocratização dos processos para dar respostas mais céleres para os contribuintes, que são os produtores”, afirmou Malard.

O prefeito de Araguari, Marcos Coelho de Carvalho, também valorizou a iniciativa do governo de conhecer a realidade e incentivar os produtores. “O governador tem valorizado a nossa região e a nossa população, principalmente os agricultores. Araguari vive um momento ímpar, principalmente no agronegócio, com a atração de investimentos e geração de empregos”, disse.

Zema se reuniu com diversos prefeitos, vereadores e lideranças regionais para apresentar um diagnóstico de sua gestão e ouvir suas demandas. O governador destacou o trabalho na atração de novos investimentos, como a instalação da maior fábrica de celulose solúvel do mundo, pela Joint Venture LD Celulose S.A, nos municípios de Araguari e Indianópolis. Serão investidos mais de R$ 4,5 bilhões, com previsão de geração de mais de seis mil empregos nos próximos anos.

O projeto obteve licença de instalação (LI) na Câmara Técnica Especializada de Atividades Industriais, do Conselho Estadual de Política Ambiental (Copam), nesta segunda-feira (23/9). Com isso, as obras da fábrica de matéria-prima para produção de tecidos já estão autorizadas.

O governador se encontrou, ainda, com empresários da região e apresentar algumas de suas propostas. Segundo Romeu Zema, sua prioridade é melhorar o ambiente de negócios e explorar o potencial de cada região, aumentando as oportunidades de crescimento e, consequentemente, a geração de empregos e a recuperação da economia.

Na área da Saúde, Romeu Zema visitou, ao lado do prefeito de Araguari e dos deputados estaduais, as obras de construção do Hospital Universitário Sagrada Família, empreendimento do Instituto Master de Ensino Presidente Antônio Carlos (Imepac). A unidade será uma das maiores da região, podendo atender cerca de 18 municípios e deverá ter cerca de 80% de seu atendimento destinado ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Também conheceu o trabalho desenvolvido pela Associação Casa Taskan – Amor e Esperança, que auxilia 223 famílias de 17 bairros carentes do município. A casa foi fundada em 2017 e já tinha atuação desde 2010 e, neste ano, foi reconhecida pelo Estado como utilidade pública. Em agosto último, o governador realizou a doação de parte de seu salário para a instituição, assim como tem feito desde que assumiu o Governo do Estado.

Fonte: Jornal de Uberaba – 27/9

 

Relacionadas