Petróleo fecha em alta com queda inesperada dos estoques nos EUA

Os contratos futuros do petróleo anotaram fortes altas nesta quarta-feira (13), fechando na máxima de quatro meses, depois que os dados oficiais de estoques da commodity nos Estados Unidos apontaram uma queda inesperada na semana passada.

Os contratos futuros do WTI para abril fecharam em alta de 2,44%, a US$ 58,26 por barril na Bolsa de Mercadorias de Nova York (Nymex), enquanto o Brent para maio avançou 1,31%, a US$ 67,55 por barril na ICE, em Londres.

Os estoques de petróleo bruto dos EUA caíram o correspondente a 3,862 milhões de barris na semana passada, para 449,072 milhões, de acordo com dados com ajuste sazonal divulgados hoje pelo Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês). A expectativa de consenso era de que haveria aumento de 1,9 milhão de barris no período.

Os ganhos dos petróleo também receberam impulso com as restrições de oferta da Venezuela, acentuadas pela interrupção nos últimos dias do fornecimento de energia no país, e pelas indicações de que a Opep, sob a liderança da Arábia Saudita, pretende levar ao segundo semestre os cortes na produção do cartel.

Valor Econômico - 13/03/2019

 

Relacionadas