Usina Coruripe homenageia colaboradoras no Dia Internacional da Mulher

Mulheres assumem presidência e diretorias durante ação tradicional da empresa

As colaboradoras da Usina Coruripe estão sendo homenageadas em mais uma ação para celebrar o Dia Internacional da Mulher (8 de março). Pelo quarto ano consecutivo, elas assumiram a presidência e todas as diretorias da empresa para debaterem sobre a igualdade de direitos e novas oportunidades na companhia. Além disso, as mulheres realizam, durante o dia, reuniões para a elaboração de novas ideias na empresa e tomarão decisões pertinentes ao cargo que ocuparem.

No dia 8 de março, a presidência da Usina Coruripe está sendo ocupada pela engenheira de Segurança do Trabalho Luana Guimarães Souza. As demais integrantes da gestão temporária da Coruripe são a coordenadora de Contabilidade Vanusa de Jesus (diretora financeira), a coordenadora de Qualidade Industrial Roseanne Silva (diretora industrial), a analista de Controle Agrícola Fernanda Teixeira (diretora agrícola), a supervisora de Recursos Humanos Patrícia Ferreira Sales (diretora administrativa e de RH), a advogada Karla Freitas Lima (diretora jurídica), a tecnóloga em alimentos Bruna Laine Ribeiro da Silva (diretora comercial) e a analista de fornecedores Maria Patrícia Chaves (gerente executiva de fornecedores).

O objetivo é reunir ideias e identificar oportunidades de aumentar a influência feminina na empresa, além de valorizá-las em um segmento, tradicionalmente, ocupado pelos homens. “A ação fortalece o respeito e a admiração que temos pelas mulheres na luta pela igualdade de direitos, além de contribuir, e muito, para a construção de uma empresa mais forte e competitiva no mercado”, afirma o diretor administrativo e de RH da Coruripe, Fabio Moniz.

Posteriormente, a ata desse encontro será discutida na reunião de diretoria e divulgada para a empresa com um plano de ação. A Usina Coruripe já implantou medidas propostas em edições anteriores dessa mesma ação, como ampliação da licença-maternidade para seis meses,  possibilidade da mãe ou do pai acompanharem a internação de filho menor de 12 anos por até cinco dias, e de 2 dias para filhos entre 12 e 16 anos, campanhas pela saúde da mulher, ações específicas de qualificação, inserção de aprendizes do sexo feminino nos programas de aprendizagem e adoção de novas formas de recrutamento com a finalidade de maior atração de profissionais mulheres em todas as áreas da empresa, entre outras ações.

Assessoria de Comunicação Usina Coruripe – 08/03/19

 

Relacionadas